domingo, 25 de julho de 2010

sentimento do dia: raiva



Meu Deus, como eu fui tão boba? Em acreditar que um dia, tudo aquilo que eu sonhei podia se tornar realidade.. Como pessoas podem ser tão crianças? Até agora estou tremendo de raiva, raiva de mim mesma e principalmente de você. Até agora, não acredito no que você acabou de falar pra mim. Quer saber? Some da minha vida, nunca mais apareça. Não quero te ver nem pintado de ouro na minha frente. Quer uma salva de palmas? Pois eu faço questão de ficar de pé e te aplaudir. E não vai adiantar você vir correndo depois pedir desculpas, pois eu não vou aceitar. Você me magoou, e muito. Agora espero que você nunca passe pelo que eu passei, esperando você. Some da minha vida, nunca mais converse comigo. Só de pensar em seu nome, me da raiva. Espero que um dia tudo isso passa, mas enquanto não passar, se você não fizer alguma coisa pra mudar isso, o meu sentimento por você vai ser o mesmo, raiva.

Um comentário:

Lara Oliveira. disse...

Desilusões são cruéis, mas sempre podemos topar com uma por aí. Devemos apenas erguer a cabeça e recomeçar por mais difícil que seja. Adorei o texto, e adoro esse blog, haha. Beijos